A culpa é sua...



"Quem há que possa discernir as próprias faltas? Absolve-me das que me são ocultas.  Também da soberba guarda o teu servo, que ela não me domine; então, serei irrepreensível e ficarei livre de grande transgressão." Salmos 19/ 12 e 13

Uma das coisas mais difíceis que existe é admitir o próprio erro
. Isso faz parte da natureza terrena e começou com Adão e Eva.
Quando Deus questionou Adão sobre a desobediência, ele culpou Eva. Quando Deus questionou Eva, ela culpou a serpente. Certamente, se Deus questionasse a serpente, ela culparia o próprio Deus.
Somente aqueles que nascem de Deus são capazes de assumir os próprios erros.
Assumir o próprio erro é um sinal de humildade e é uma característica natural dos que nascem do Espirito do Amor.
Já o orgulho é característico da natureza Adâmica, ou seja, de quem não nasceu de Deus.
É quase impossível que alguém que não seja capaz de assumir os próprios erros, consiga ser feliz em um relacionamento.
Pessoas orgulhosas são insuportáveis!
Para quem não nasceu de Deus é comum achar que o próprio sofrimento é decorrente do erro dos outros.
Normalmente é relaxante colocar a culpa nos outros!
A verdade é que: Se está, porque se quer! Tem-se porque quer! Sofre, porque o sofrimento é resultado das nossas escolhas!
Deixe de fazer suas escolhas com base no prazer próprio e passe a fazê-las com a razão.


Post:terapiadoamoruberlandia

Reações: